Questo sito usa cookie per fornirti un'esperienza migliore. Proseguendo la navigazione accetti l'utilizzo dei cookie da parte nostra OK
iic_riodejaneiro

Christian Leotta

Data:

22/09/2012


Christian Leotta

Definido pela lendária Rosalyn Tureck como "um talento extraordinário com uma grande musicalidade inata" Christian Leotta foi admirado também pelo grande Karl Ulrich Schnabel pelo seu “perfeito respeito ás indicações dos compositores clássicos e românticos e pela profunda compreensão dos mesmos". Nascido em Catania, Christian Leotta começou a estudar piano aos sete anos. Ele estudou com Mario Patuzzi no Conservatório "Giuseppe Verdi" de Milão, na Fundação Internacional "Theo Lieven para Piano" as margens do Lago de Como e na Inglaterra, na “Tureck Bach Research Foundation” de Oxford. Apresentando pela primeira vez em 2002 em Montreal, com 22 anos, todas as 32 sonatas para piano de Beethoven, Christian Leotta é o pianista mais jovem do mundo, desde Daniel Barenboim, que apresentou o ciclo dos anos 60 em Tel Aviv, a executar em público a excepcional façanha musical. Desde então Christian Leotta protagonizou bem treze execuções integrais das 32 sonatas de Beethoven, interpretando-as na Europa e na América nas principais capitais da música internacional, como a Cidade do México, Lima, Madrid, Montreal, Rio de Janeiro, Vancouver, Veneza, Ville de Québec, motivo pelo qual em abril de 2004 o Presidente da República italiana, On. Carlo Azeglio Ciampi concedeu-lhe sua prestigiosa medalha. Graças ao sucesso extraordinário de público e de crítica por suas performances de Beethoven, Christian Leotta em 2007 assinou um contrato exclusivo com o prestigiado selo discográfico canadense Atma Classique, para a gravação em dez CDs, da integral das 32 sonatas para piano. Os primeiros três "volumes" da série, publicada entre 2008 e 2011 e cobrindo 19 sonatas, foram saudados com as mais lisonjeiras resenhas da imprensa internacional, que descreveu Christian Leotta como "um dos mais extraordinários intérpretes de Beethoven do nosso tempo" (Muzika21, Polônia), definindo sua gravação das 32 sonatas como "um importante contributo para outros ciclos disponíveis" (Fanfare, Estados Unidos da América).Programação:LUDWIG VAN BEETHOVEN (1770 – 1827) Sonata per pianoforte n.19 in sol minore, op.49 n.1 “Leichte Sonate” Sei Bagatelle Op.126 n. 1, in Sol maggiore. Andante con moto n. 2, in Sol minore. Allegro n. 3, in Mi bemolle maggiore. Andante n. 4, in Si minore. Presto n. 5, in Sol maggiore. Quasi allegretto n. 6, in Mi bemolle maggiore. Presto 33 Variazioni in Do maggiore Op.120 sopra un valzer di Diabelli Var. I. Alla Marcia maestoso Var. II. Poco allegro Var. III L’istesso tempo Var. IV. Un poco più vivace Var. V. Allegro vivace Var. VI. Allegro ma non troppo e serioso Var. VII. Un poco più allegro Var. VIII. Poco vivace Var. IX. Allegro pesante e risoluto Var. X. Presto Var. XI. Allegretto Var. XII. Un poco più moto Var. XIII. Vivace Var. XIV. Grave e maestoso Var. XV. Presto scherzando Var. XVI. Allegro Var. XVII Var. XVIII. Poco moderato Var. XIX. Presto Var. XX. Andante Var. XXI. Allegro con brio-Meno allegro-Tempo I-Meno allegro Var. XXII. Allegro molto alla “Notte e giorno faticar” di Mozart Var. XXIII. Allegro assai Var. XXIV. Fughetta. Andante Var. XXV. Allegro Var. XXVI. Var. XXVII. Vivace Var. XXVIII. Allegro Var. XXIX. Adagio ma non troppo Var. XXX. Andante, sempre cantabile Var. XXXI. Largo, molto espressivo Var. XXXII. Fuga. Allegro Var. XXXIII. Tempo di Menuetto moderato

Informazioni

Data: Sáb 22 Set 2012

Ingresso : Libero


660