Questo sito usa cookie per fornirti un'esperienza migliore. Proseguendo la navigazione accetti l'utilizzo dei cookie da parte nostra OK
iic_riodejaneiro

Campo Santo Salvador

Data:

15/05/2014


Campo Santo Salvador

Flavio Marzadro

Salvador

Com um trabalho polêmico e poético, Flavio Marzadro inaugura uma nova mostra individual em Salvador, no Museu de Arte Sacra, em 15 de maio de 2014. Com este trabalho, o artista transforma Salvador, representado pelo Museu de Arte Sacra, em um Campo Santo aberto para a Bahia de Todos os Santos. Um campo santo que interroga as temporalidades presentes em Salvador, posicionando-se criticamente em relação aos últimos movimentos de especulação e gentrificação que assolam e desfiguram a cidade. Por outro lado, como lembra o próprio artista “um campo santo é também o lugar do renascimento, do olhar liberador, do momento em podemos fazer as contas com a nossa própria história... É, enfim, a possibilidade de construirmos novas histórias a partir de quem de fato somos”. Provavelmente por isto é que Campo Santo Salvador nos deixa com a impressão de que o tempo parou por alguns instantes sobre a Baia, em todos os sentidos, para olhar para o recôncavo, para os outros bairros do centro antigo, que inspiram as configurações simbólicas das obras apresentadas, e para nós mesmos, em um diálogo poético do artista com as práticas de uso dos mmuitos territórios do centro de Salvador. Esta mostra integra o Circuito Cultural do 2 de Julho promovido pelo Movimento Nosso Bairro é o 2 de Julho. Flavio MarzadroFlavio Marzadro é um artista italiano, radicado em Salvador, mas que vive atualmente em Paris, com especial interesse sobre arte pública. Autor de mostras individuais em Salvador (“Memórias do Concílio de Trento: elementos de Micro-história”, em 2013, e “Sob os pés da Itália: nova arqueologia da cultura material urbana”, em 2011) e em Veneza (“Tra Il pubblico e il Sacro nella Serenissima”, em 2012), tem integrado diferentes mostras coletivas, bem como realizado a curadoria de experiências de arte pública no Brasil e na Itália (Post Factum Ladeira da Montanha e Post-Factum Trento). Venceu o prêmio principal do Salão de Artes da Bahia em 2013. Foi o artista convidado para o Mart UP - Dia do Contemporâneo do Museu de Arte Contemporânea de Rovereto e Trento, na Itália, edição 2013. Acaba de receber o prêmio Menção Especial do Salão de Arte da Bahia - Barreiras, 2014.

Informazioni

Data: Gio 15 Mag 2014

Ingresso : Libero


719